13.2.07

Há 74 anos


Corria o ano de 1933, era Fevereiro, dia 13.

Maria começou a sentir que o seu bébé ia nascer nessa manhã de Inverno.

As empregadas ainda não tinham chegado e a avó Laura, que era parteira, foi chamada para "aparar" o recém-nascido.

Faltavam dez minutos para as nove horas quando no nº 208 da Rua do Bomfim, no Porto, se ouviu aquele chorar, aquele grito de vida da menina que se iria chamar Teodora como sua tia, irmã de seu pai Artur, já falecida.

Foi há precisamente setenta e quatro anos!

Ela hoje já é bisavó.

Tem uma família que adora, pessoas que ama e uma vida simples,

VERDADEIRA!

Deixa aqui um beijo para vocês, que sei, muito a estimam.

th

10 comentários:

IO disse...

Renovo os parabéns deixados esta manhã no 'post' abaixo, menina Teodora!!
- beijo em festa, IO.

CB disse...

Mi....... muitos muitos beijinhos de parabéns de quem tanto gosta de ti e admira. Louvo o dia em que tive o grande privilégio de te encontrar.

Anónimo disse...

Theo, que feliz foi o dia que Maria te teve, quanta felicidade deve ter sido para eles e mais tarde verem a pessoa linda que se transformou .Sorte de nós de te ter conhecido não importa onde e como.Obrigado Maria e Artur, pela amiga que um dia ganhei. Que sejas sempre esssa pessoa linda e sortuda(o) a(o) que te tem por perto.
Um grande beijo e um xi bem apertadinho , e minhas desculpas pela má hora da postagem. Tareca

Anónimo disse...

Theo,

Ysffs agsgas ghasg hgasdh hsadhshd hsdh ahsdha jfggefgj xgj... ahddas hsdye aerjasdfj lsdf sdf, ksdfk errias ççldk ! Asd lkd, oioisd osad, oiiure!

Um beijo muito grande, na certeza que sabes muito bem traduzir no teu coração cada letrinha que te transmito acima!

Zé Paulo

Luísa Hingá disse...

Theozinha desejo que sejas sempre feliz. Gosto muito de ti porque és um exemplo para todos nós.
Abraços apertados.

th disse...

PARA VOCÊS, MEUS QUERIDOS, O MEU BEIJO RECONHECIDO, th

Anónimo disse...

oh, Theo, PARABÉNS!!! um grande, enoooooorme beijinho e espero que contes muitos e muiotos mais anos, assim com muita saude e muita alegria.Elsa.

Mocho Falante disse...

Parabéns minha querida, espero que o dia tenha sido excelente

um grande beijo de amizade

Carlos Gil disse...

atrasadito (no blogue, porque...) venho também deixar um beijinho para a Theo, minha muito querida Amiga.
diz a Cê que foi um privilégio encontrar-te... eu quase que diria igual não fosse o pormenor de hesitar, em se o que gosto da "Theo" é superior ao pó que tenho à "Kuskas", essa tua face-negra montada numa vassoura e que 'cusca' a net toda, todinha, e não deixa um gajo andar entretido na anónima mangussagem :-)
'tou a brincar, Th! eu ADORO-VOS - mais mais a ti que a 'ela', confesso... lol
Milhões de beijos de parabéns para ti, menina do beicinho! ;-)

saisminerais disse...

Ola
Vim dar uma espreitadela por este mundo virtual onde palavras se semeiam para por caminhos impossiveeis de imaginar se deslocam de casa em casa e qual o espanto por vezes encontram gentes com palavras tão parecidas.
Assim quando comecei a ler esta postagem que aqui descreves, quase me disse a mim mesmo será que ela me conhece?
Sabes nasci somente um dia mais tarde, no dia 14 e tenho 49 anos! presumo que o ano era diferente, pois corria o ano de 1958, mas a avó éra a Laura e a parteira que assistiu o meu parto era ela tambem, a Laura senhor minha avô que ja Deus levou à muitos anos, mas continua fresquinha na minha memóri pelo amor que me deu, pelas histórias que contou e inventou para animar netos e não só... Bem hajam Todas as Lauras do mundio inteiro se forem um pouco como a minha antepassada.
tambem sou um homem do norte, não do Porto, apesar de ja lá ter vivido no ano 1970.
Olhe minha querida, amei ler este há74 anos, obrigado por me fazer relembrar as minhas proprias raizes.
Bom fim de semana e um beijo
do Alexandre