2.2.08

O Padrinho e o Patalão...

É por causa deles e de outros que tais, que escrevem coisas tão bonitas para mim, que não posso virar costas e simplesmente dar-me egoista e preguiçosamente às ausencias



Jonze disse...
Olha sabes Theo, quem me dera sentir como se tivesse a tua idade. Tenho um pouquinho de menos idada do que tu mas sou muito mais velho. O poder da criação é como o progresso da ciência: não tem limites, é infidável. Dizem que devemos viver sempre com sonhos que nunca se realizam. Assim, mantemos a vontade de sonhar sempre. Tu que já me ajudaste tanto, continua a sonhar que eu gosto de ler os teus sonhos. Um beijinho do Chipangara... Espangara para os mais puristas
12:28 PM





Zé Paulo disse...
Theo,Tu sabes como gosto de ti. E se gosto é através do dizes, do que escreves, do que eventualmente conversamos pelo MSN...mas hoje, olhando a tua foto, ...és mesmo bonita. Não é só por dentro...Tu deixa-te de histórias que era tudo mais inocente, caguem nos menos inocentes...e parem com essa de que têm que acordar todos os dias com uma crónica pronta, como se isto de blogar fosse o ganha pão...escrevam quando vos der vontade, sem obrigações, sem competições internas, mas me deixem copartilhar com voces o que voces têm a dar.Não me lixem...Sim, mas és mesmo bonita, mas também por dentro. :)Beijo grande.
3:01 AM

3 comentários:

Carlos Gil disse...

"...e simplesmente dar-me egoista e preguiçosamente às ausencias"

E AINDA BEM!!!

Tareca disse...

Assino embaixo do teu padrinho e do teu patalão , deixo um grande beijo e te peço, nunca deixe de ser quem és.
Uma admiradora ;)

Luisa Hingá disse...

Não quero deixar de te dar os parabéns.. Nadinha atrasados, mas são do coração.
faz o favor de contar muitos, cheios de saúde, amor...tudo, mas tudinho a que ten direito. Tu mereces.
Beijinhos